Algumas Igrejas da Cidade da Bahia... [7]

segunda-feira, 28 de junho de 2010 0 comentários

Outras cinco igrejas...




Igreja Santo Antônio Além do Carmo



A primeira igreja de Santo Antônio Além do Carmo teria sido construída por volta de 1594 por Cristóvão de Aguiar Daltro, senhor de engenho de Água de Meninos, nas terras que lhes foram doadas por Tomé de Souza. A capela era de barro e ficava localizada de costas para o mar. Em 13 de junho de 1638, por ocasião da Vitória contra os holandeses neste local, o padre Antônio Vieira pregou uma missa ao último reduto de resistência na Bahia. A carta oficial de rendição foi escrita e assinada no Convento do Carmo. Nesse período a capela já tinha dado lugar à primeira matriz.

Devido aos grandes escorrimentos de terra, essa igreja foi demolida, e uma segunda construída, um pouco mais afastada da ribanceira. Logo então, em 1842 a nova paróquia passou a ser construída com uma fachada rococó, uma torre única e interior em talha neoclássica, com vista para a Cidade Baixa, a Península de Itapagipe e a Baía de Todos os Santos. No lado oposto à torre, numa laje de cimento, à céu aberto, foi colocada uma imagem de Santo Antônio, toda de pedra, trazida de Portugal e se encontra a imagem do Senhor Morto mais cara do mundo com duas mil pedras de rubi encravadas em toda a imagem.




Santuário Nossa Senhora de Fátima



A Capela denominada Santuário Nossa Senhora de Fátima situa-se na área do Colégio Antônio Vieira. Foi projetada pelo arquiteto João Martins de Oliveira Filho, ex-aluno do Colégio, que se especializou em arquitetura sacra. Teve sua pedra fundamental lançada em 13 de maio de 1932, sendo concluída em 1969, com o impulso do Pe. José Manuel Ruiz Sanchez, diretor do Colégio.




Capela Sagrada Família




A Capela Sagrada Família da Cúria Bom Pastor, também conhecida como Igreja de Santa Dorotéia (ou Igreja das Dorotéias), faz parte do conjunto arquitetônico onde hoje funciona a Arquidiocese de São Salvador da Bahia. No local antes funcionava o Asilo Conde Pereira Marinho, e o Colégio das Irmãs Dorotéias.




Igreja Nossa Senhora da Saúde e da Glória




Construída em 1723, no local conhecido como alvo; A fachada apresenta frontispício rococó tardio (séc. XIX) e as terminações das torres, em forma de pêra como as da Penha, dão muita graciosidade à fachada.



Igreja e Convento Nossa Senhora da Palma



A igreja e o convento foram construídos sobre o 'Monte das Palmas', uma das primeiras áreas de expansão da cidade. A construção da igreja, em 1630, deve-se a um ex-voto feito por Bernardino da Cruz Arraes, que estivera enfermo. O convento, desenvolvido em torno de um pátio retangular, ladeado pela igreja, foi iniciado em 1670. Inicialmente pertencia à Ordem dos Agostinhos Descalços. Em 1822 foi transferida para a Irmandade do Senhor da Cruz. Acredita-se que a igreja atual, da segunda metade do século XVIII, obedece basicamente ao projeto primitivo, com algumas alterações. Com planta em 'T', a igreja é formada por nave, sacristia subdividida, corredores laterais e tribunas. A fachada tem elementos em estilo rococó, encimada por frontão com volutas e nicho e flanqueada por torre com terminação piramidal. Seu interior é uma transição do rococó ao neoclássico e o teto da nave possui pintura ilusionista barroca, atribuída a Veríssimo de Souza Freitas.



Fontes: Skyscrapercity, Portal do Carmo, Lupa, Flickr, Visite a Bahia, Salvador 365 Igrejas

0 comentários:

 

©Copyright 2011 Porque Tudo Muda... | TNB