Tás a ver?

domingo, 5 de agosto de 2012 0 comentários
E depois de algum tempo aqui já não é tão estranho, insegurança e ansiedade iniciais deram lugar a um afeto e bem-estar; este velho mundo aparece de forma mais familiar do que 150 dias atrás. Daqui vi outras possibilidades de viver e perceber a vida, assim, a vontade de curiar mais e descobrir novas sensações sobrevieram em meus desejos, ainda que todos os dias aquele sentimento chamado saudade torne o coração diminuto.
A beleza arquitetônica, a simpatia do povo, os ares agradáveis, as possibilidades de ir mais longe me impulsionaram e tás a ver?
Decidi ficar mais um pouco...


0 comentários:

 

©Copyright 2011 Porque Tudo Muda... | TNB